setembro 26, 2007

Pague a si mesmo…

Posted in investimentos tagged , , , , , , , às 19:06 por Arthur Gouveia

Você trabalha, recebe por isso e seus rendimentos lhe permitem pagar todas suas contas, certo?. Espere um pouco, seu salário é dedicado apenas a pagar dívidas? Então você está pagando para trabalhar!

Não adianta se iludir; um dia você não irá trabalhar mais. Seja por opção ou seja por falta dela. Será que no momento em que os rendimentos do seu trabalho desaparecerem suas contas também sumirão? Será que o INSS será capaz de manter seu padrão de vida ao fim de sua carreira? E os seus sonhos, você tem como realizá-los hoje?

Muitas perguntas e todas com uma única resposta: devemos, hoje, pensar no amanhã. É necessário olhar para o futuro e cuidar bem dele desde hoje.

Mas como cuido do meu futuro?

Investindo. Imagino que hoje o seu salário consiga pagar as suas contas e sobrar um pouquinho. Invista isso! Repito: se o seu salário é todo consumido no pagamento de dívidas, há algo errado, muito errado! No artigo anterior tratamos sobre este assunto.

Eu uso os meus investimentos para cuidar do meu futuro. Para complementar minha aposentadoria, para que eu possa viajar no fim do ano, para que eu possa trocar de carro, para comprar minha casa. Os investimentos não devem ser usados para ganhar dinheiro rápido e fácil, mas para que o dinheiro que você ganha hoje possa realizar sonhos futuros.

Que tipos de investimento eu devo fazer?

Depende. Eu sei que esta resposta talvez não seja a que você esperava, mas esta é a única resposta correta. Não existem soluções mágicas ou pacotes prontos que atendem a qualquer um. O investimento ideal é aquele que é compatível com o seu perfil de risco, com a sua capacidade de investir mensalmente e com o montante que você tem hoje para aplicar.

Geralmente os bancos oferecem vários fundos de renda fixa ou variável e eles costumam ter características comuns: quanto maior o aporte inicial – quantidade de dinheiro entregue no primeiro depósito – menor a taxa de administração – o quanto o banco cobra para cuidar do seu dinheiro.

Algumas outras alternativas são os CDBs, fundos de ações, poupança, ações (compradas diretamente via corretora), títulos do governo (via tesouro direto). Lembre-se: existem investimentos para qualquer perfil de risco e disponibilidade de dinheiro.

Arthur, você tá me enrolando….

Talvez, mas não será possível cobrir todas as alternativas de investimento em um único artigo. Prometo fazer vários artigos cobrindo vários tipos de investimentos, suas vantagens e desvantagens. Mas pra contornar um pouco a ansiedade darei algumas dicas de ouro para seus investimentos.

  • Não se preocupe em investir muito. Crie um plano, uma rotina e invista sempre!
  • Diversifique seus investimentos buscando diferentes níveis de risco e rentabilidade
  • Invista pouco, mas invista sempre
  • Mantenha seu foco no futuro, no longo prazo.
  • Invista pouco mas invista sempre
  • Compare as taxas, lembre-se dos impostos
  • Invista pouco mas invista sempre!!!!

Ah, quase ia me esquecendo. Falei pra investir sempre????

Anúncios

6 Comentários »

  1. Aos amigos leitores do Endinhirado vale uma breve satisfação sobe posts neste dia 26/09. Estarei viajando e não conseguirei postar nenhum artigo. Prometo estar de volta na Sexta Feira!

  2. Arthur seu blog é show. Gostei muito de sua maneira de conversar com as pessoas, concordo bastante com sua linha de raciocinio e digo mais, compre ativos, aquilo que lhe traga retorno sempre.
    Um forte abraço e parabéns!

  3. Puxa vida Ricardo! É um prazer ter você por aqui. Obrigao pelas palavras de apoio e muito obrigado pela complementação do texto. Muito bem lembrado, a compra de ativos.

  4. Anselmo said,

    Ola Arthur

    Estou na batalha, precisando muito de ativos para um futuro melhor.
    Gostei muito das suas palavras, estou precisando dessas palavras para sair do estado estatico que estou no momento.

    Obrigado

  5. Anselmo,

    É fundamental começar imediatamente. Não estou falando de começar quando próximo salário for pago, começar semana que vem, começar amanhã. Não! Começe hoje! Crie o hábito de, mensalmente, investir no seu futuro. Se não tem condições de adquirir ativos, comece pequeno. Invista todo mês na Poupança, por exemplo. Crie o hábito de se pagar, seu futuro merece…

  6. […] para você sobreviver por um tempo, passe a investir este dinheiro para uma vida mais tranqüila no seu futuro. Onde invisto meu fundo de […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: